• Mineirinhos em ação Duelo mineiro entre Montes Claros Vôlei e Sada Cruzeiro agita a quarta-feira

    Um confronto mineiro será uma das atrações desta oitava rodada do turno da Superliga masculina de vôlei 2016/2017. Quarto lugar na classificação geral, com 15 pontos, o Montes Claros Vôlei (MG) receberá o líder da tabela, e único time invicto na competição, Sada Cruzeiro Vôlei (MG), nesta quarta-feira (07.12), às 19h, no ginásio Tancredo Neves, em Montes Claros (MG). O time da casa conta com uma arma importante nesta edição de Superliga. O oposto Luan, que vem em grande fase no clube mineiro, é o terceiro maior pontuador da competição, com 120 pontos marcados – atrás apenas dos opostos Renan, do JF Vôlei (MG), e Wallace, do Funvic Taubaté (SP). Para enfrentar o atual campeão da Superliga, Luan sabe que seu time precisará não apenas dele, mas de todo o conjunto jogando bem. “Contra o Cruzeiro temos que entrar focados, já que todos sabem que essa é a equipe a ser batida. Fizemos boas partidas contra eles no Mineiro e agora o nosso time está desenvolvendo bem, está ficando redondinho, como costumamos dizer, e a parte coletiva tem que prevalecer”, comentou Luan. O oposto conta com a torcida para esta difícil partida. “Vamos estar em casa e o fator torcida é sempre muito importante para o Montes Claros Vôlei. O jogo é contra o Sada Cruzeiro e, com certeza, os torcedores vão comparecer e nos ajudar a buscar essa vitória. Cada partida tem uma história diferente e entramos em todas com disposição para vencer”, afirmou Luan. Em primeiro lugar na tabela de classificação, o Sada Cruzeiro tem como objetivo fazer uma boa partida e somar mais três pontos. Segundo o ponteiro Filipe, é preciso todo cuidado para enfrentar o adversário mineiro. “O Montes Claros está crescendo durante o torneio, vem de duas belíssimas vitórias e é um time que está jogando solto, muito à vontade. E contra o nosso time eles estarão na mesma situação, pois a responsabilidade fica toda do nosso lado”, comentou Filipe. Experiente, o ponteiro sabe que o Sada Cruzeiro precisa entrar em quadra com atenção. “Nosso time tem que entrar esperto, sabendo que será um jogo muito difícil contra bons jogadores, que devem vir arriscando tudo no saque. Temos que tomar todo cuidado e impor o nosso ritmo para sair de lá com mais um resultado positivo”, comentou Filipe. Funvic Taubaté tenta recuperação diante do São Bernardo Vôlei Outra partida de destaque desta rodada envolve o Funvic Taubaté (SP), dos campeões olímpicos Éder, Lucarelli e Wallace, que busca se recuperar de duas derrotas consecutivas – contra Montes Claros Vôlei e Sesi-SP. A chance será diante do São Bernardo Vôlei (SP), em São Bernardo do Campo (SP), às 19h30. Para o capitão Raphael, o momento é de procurar mudar a situação não muito favorável ao seu time. “Estamos muito confiantes para conseguir uma vitória em um momento difícil do nosso time, mas que sabemos que faz parte do processo de um time novo. Conseguimos um importantíssimo título no começo da temporada (o Campeonato Paulista) e, depois disso, tivemos uma queda de rendimento. Respeitamos o time do São Bernardo, que conta com jogadores jovens buscando seu espaço no cenário nacional, e vamos em busca de reverter esse momento de duas derrotas seguidas”, afirmou Raphael.   Também nesta quarta, o JF Vôlei (MG) receberá o Bento Vôlei/Isabela (RS), às 19h30, na UFJF, em Juiz de Fora (MG); o Copel Telecom Maringá Vôlei (PR) jogará em casa, contra o Lebes/Gedore/Canoas (RS), às 19h30, no Chico Neto, em Maringá (PR), e o Caramuru Vôlei/Castro (PR) enfrentará o Minas Tênis Clube (MG), às 20h, no Padre José Pagnaco, em Castro (PR). O último jogo da rodada será realizado apenas na quarta-feira que vem, dia 14, quando Vôlei Brasil Kirin (SP) e Sesi-SP jogarão em Belém (PA), em uma partida especial. O Brasil Kirin, mandante do jogo, levará o duelo para a capital paraense, que promete ajudar na realização de uma bela festa. SUPERLIGA MASCULINA 2016/2017 Oitava rodada do turno 07.12 (QUARTA-FEIRA) – São Bernardo Vôlei (SP) x Funvic Taubaté (SP), às 19h30, no ginásio Adib Moysés Dib, em São Bernardo do Campo (SP) 07.12 (QUARTA-FEIRA) – JF Vôlei (MG) x Bento Vôlei/Isabela (RS), às 19h30, na UFJF, em Juiz de Fora (MG) 07.12 (QUARTA-FEIRA) – Copel Telecom Maringá Vôlei (PR) x Lebes/Gedore/Canoas (RS), às 19h30, no Chico Neto, em Maringá (PR) 07.12 (QUARTA-FEIRA) – Montes Claros Vôlei (MG) x Sada Cruzeiro Vôlei (MG), às 19h, no Tancredo Neves, em Montes Claros (MG) 07.12 (QUARTA-FEIRA) – Caramuru Vôlei/Castro (PR) x Minas Tênis Clube (MG), às 20h, no Padre José Pagnaco, em Castro (PR) 14.12 (QUARTA-FEIRA) – Vôlei Brasil Kirin (SP) x Sesi-SP, às 21h, no Mangueirinho, em Belém (PA) O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do vôlei brasileiro   Read More
    Superliga
  • primeiro dia Qualificatório define últimas vagas à fase de grupos em São José

    Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) - 06.12.2016 O Circuito Banco do Brasil Nacional já tem seus grupos definidos para a etapa de São José (SC). Nesta terça-feira (06.12) foram realizados os jogos eliminatórios do qualificatório, com quatro duplas em cada naipe avançando à fase principal. As partidas prosseguem nesta quarta-feira (07.12), a partir das 8h30, na arena montada na Av. Beira-Mar. O Circuito BB Nacional é uma divisão de acesso ao Circuito Brasileiro Open, que começa a partir de sexta-feira (09.12). As duplas que não conseguiram ficar entre as primeiras 16 do ranking do Open disputam o Nacional em busca de pontos para subir na lista. No torneio masculino foram realizados 25 jogos, com 29 times brigando pelas últimas quatro vagas à fase de grupos. Avançaram os irmãos Raul/Álvaro Andrade (SE), Miguel/Ramon Gomes (MS/RJ), Richards/Ralph Cabral (MG/RJ) e Nilton/Daniel Souza (RO/RJ). Com exceção de Raul e Álvaro, que possuíam pontuação mais baixa e entraram em quadra três vezes, as outras três duplas venceram dois jogos eliminatórios diretos. No naipe feminino foram 12 jogos pelo qualificatório, com 16 duplas brigando pelas quatro vagas. Avançaram à fase de grupos Luciana/Camila (CE/RJ), Haissa/Rosimeire Lima (MS/AL), Maria Clara/Pity (RJ/BA) e Alba/Vitória (BA/RJ). Confira na tabela abaixo os resultados de todas as partidas. Cada dupla venceu duas rodadas eliminatórias para ficar com a vaga. As equipes serão divididas em três grupos com quatro times e jogam dentro da chave nesta quarta, com os oito melhores (primeiro e segundos, além de dois terceiros colocados) avançando às quartas de final. Na quinta-feira (08.12) são disputadas as partidas das semifinais, disputas de bronze e finais dos dois naipes, tudo com entrada franca. Apesar de não garantir classificação direta ao Circuito Brasileiro Open, as duplas campeãs de uma etapa do Nacional fazem mais pontos (260) do que o quinto colocado de uma etapa Open (240). Com isso, a tendência é que ao longo do ano ocorram diversas trocas de posições entre duplas de ambos os circuitos, aumentando a importância das duas competições. O Circuito Banco do Brasil Nacional passará por mais quatro cidades em 2017. As cinco etapas realizadas até o final deste ano passaram por Campo Grande (MS), Brasília (DF), Uberlândia (MG), Maringá (PR) e agora São José (SC). Os times vencedores de uma etapa do Nacional recebem prêmio de R$ 7.250,00. VEJA OS RESULTADOS DOS JOGOS MASCULINOS VEJA OS RESULTADOS DOS JOGOS FEMININOS O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro Read More
    Circuito Nacional
  • entrada franca São José (SC) recebe etapa do Open pela terceira vez; veja todos os campeões

    Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) - 06.12.2016 São José (SC) será palco de uma etapa do Circuito Brasileiro Open, principal competição do vôlei de praia nacional, pela terceira vez em sua história. A cidade catarinense recebeu o torneio em 2013 e 2014, e volta a ser palco da competição após um ano fora do calendário. A disputa acontece na arena montada na Av. Beira-Mar, próxima à Fundação Municipal de Esporte e Lazer. A entrada ao público é gratuita. Além de São José (SC), outras três cidades catarinenses já receberam uma etapa do Open. Florianópolis foi a sede em 11 oportunidades, enquanto Balneário Camboriú teve quatro etapas realizadas, e Joinville, uma. O Estado de Santa Catarina recebeu a competição em 18 das 24 temporadas da disputa entre as melhores duplas do país. A primeira etapa, em 2013, ficou marcada pela despedida da vitoriosa dupla formada por Alison e Emanuel. A parceria, que ficou com a medalha de prata nos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012, se separou justamente vencendo a final em São José sobre Pedro Solberg/Jorge (RJ/PB). No feminino, vitória da ex-dupla formada por Juliana e Maria Elisa (CE/PE), que derrotaram Ágatha e Bárbara Seixas (PR/RJ). Já em 2014, a então parceria formada por Oscar/Thiago (RJ/SC) superou uma dupla formada provisoriamente por Luciano e Bruno Schmidt. Alison ‘Mamute’ estava se recuperando de uma operação no joelho. No naipe feminino, Larissa e Talita (PA/AL) derrotaram Maria Clara/Carol Solberg (RJ), em uma das sete etapas que venceram naquela temporada. O Circuito Brasileiro Open é composto por 16 equipes no torneio masculino e outras 16 no torneio feminino. Os times são divididos em quatro grupos de quatro duplas na disputa da primeira fase, na sexta-feira. No dia seguinte ocorrem jogos válidos pela repescagem, quartas de final e semifinais. As disputas da medalha de bronze e das finais dos dois naipes ocorrem no domingo, com partidas apenas na parte da manhã. Os primeiros colocados de cada grupo avançam direto às quartas de final, enquanto segundos e terceiros de cada chave disputam o Round 1 (repescagem). A temporada do Circuito Brasileiro Open começou em setembro e São José (SC) será a quinta parada dos nove eventos programados, que continuam no primeiro semestre de 2017. No torneio feminino, Larissa e Talita (PA/AL), que venceram em Campo Grande (MS), Brasília (DF) e Uberlândia (MG), mas não estarão em São José (SC), lideram com 1.480 pontos. No masculino, Álvaro Filho e Saymon (PB/MS), que venceram em Brasília e Curitiba, além de terem conquistado dois vices, lideram o ranking geral da temporada com 1.520 pontos. Duplas Inscritas:Estão inscritos no torneio masculino os seguintes times: Alison/Bruno Schmidt (ES/DF), Álvaro Filho/Saymon (PB/MS), Ricardo/André Stein (BA/ES), Evandro/Pedro Solberg (RJ), Oscar/Hevaldo (RJ/CE), Jô/Vitor Felipe (PB), Thiago/George (SC/PB), Léo Gomes/Ferramenta (RJ), Luciano/Bruno de Paula (ES/AM), Léo Vieira/Averaldo (TO), Pedro Resende/Felipe Cavazin (PB/PR), Guto/Benjamin (RJ/MS), Vinícius/Marcus Borlini (ES), Fernandão/Harley (ES/DF), Fábio/Allison Francioni (CE/SC), e Eduardo Davi/Arthur Lanci (PR). Já no torneio feminino estão inscritas as duplas Elize Maia/Taiana (ES/CE), Juliana/Rebecca (CE), Ágatha/Carol Solberg (PR/RJ), Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ), Val/Renata (RJ), Ana Patrícia/Ângela (MG/RJ), Thati/Josi (PB/SC), Neide/Andrezza (AL/AM), Victoria/Tainá (MS/SE), Carol Horta/Carolina Won-Held (CE/RJ), Semírames/Luiza Amélia (CE), Amanda/Fernanda Nunes (RJ), Aline/Fabrine (SC/BA), Eunyce/Solange (AL/DF), Vivian/Andressa (PA/PB) e Rachel/Maria Clara (RJ). CREDENCIAMENTOOs jornalistas e fotógrafos interessados em realizar a cobertura da etapa de São José (SC) do Circuito Brasileiro Open devem enviar pedido de credenciamento com nome completo, função, veículo e RG para o e-mail ‘[email protected]’. A retirada das credenciais será realizada na própria arena, na sala de imprensa, a partir de sexta-feira, das 9h às 19h. Os profissionais deverão apresentar-se com o crachá funcional do veículo pelo qual trabalham ou com uma carta de solicitação de credenciamento em papel timbrado do mesmo, assinado pelo chefe de reportagem ou editor. Os jornalistas Renan Rodrigues (21 99290-4767) e Rogério Lauback (21 99429-7157) realizarão o credenciamento e auxiliarão a imprensa. VEJA A TABELA MASCULINA VEJA A TABELA FEMININA O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro Read More
    Circuito Open
  • Semana de Ética Contribuição do esporte na construção de sociedade ética é tema de debate

    Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) - 06.12.2016 O esporte, seus ídolos e a mensagem que eles transmitem ao público podem contribuir na construção de uma sociedade mais ética? Este foi o tema central do segundo dia de apresentações na II Semana de Ética, organizada pela Confederação Brasileira de Voleibol (CBV). E o debate contou com uma seleção de seis grandes personalidades do esporte e do poder público para ajudar a responder a esta questão. Isabel Salgado, ex-atleta da seleção brasileira de voleibol e técnica do vôlei de praia, Júnior, ex-atleta da seleção brasileira de futebol e comentarista , Luiz Lima, ex-nadador e Secretário Nacional de Esporte de Alto Rendimento, Miguel Ângelo da Luz, ex-técnico da seleção brasileira de basquete, Pitágoras Dytz, advogado da Advocacia-Geral da União, e Taiana Lima, atleta campeã do Circuito Mundial de vôlei de praia. Todos contribuíram para uma discussão de alto nível sobre a importância do esporte em outras áreas da sociedade. "Em minha opinião, ética é sinônimo de educação. É a base de tudo na vida, o pilar onde você constrói as demais experiências. Sempre disse aos atletas que temos direitos e deveres, que o compromisso de um indivíduo nunca é apenas consigo mesmo, mas para um grupo. Na minha formação esportiva tive não apenas professores, mas educadores, pessoas que ajudaram a mostrar o caminho correto", disse o ‘Maestro’ Júnior. O legado dos Jogos Olímpicos de 2016 ao país também foram tema da mesa-redonda acompanhada com atenção pelos colaboradores da CBV. A campeã mundial Isabel Salgado comentou sobre a importância do esporte na construção de aprendizado e experiências para diversas crianças e adolescentes, além de servir como exemplo. "O que nós fazemos com uma boa semente é o grande desafio. Temos que saber qual o rumo que queremos para o esporte. O que tiramos de lição. O esporte tem o alto rendimento, as vitórias e medalhas, mas também deve servir como educação. Muitas crianças e jovens não se tornarão grandes atletas, mas o esporte transmite experiências de vida", disse a carioca. A atleta Taiana e o advogado da AGU Pitágoras Dytz ressaltaram dois pontos em comum: a importância dos grandes ídolos como exemplo de postura ética e comportamento. "O atleta de alto rendimento passa muita coisa para as crianças, é um exemplo para várias delas. Ter uma postura de respeito ao adversário, ao público, é muito importante", disse Taiana. "Quando observo um atleta, olho para alguém que é um vetor de valores, um ‘super-herói’ para diversas crianças e jovens", completou Pitágoras. Miguel Ângelo da Luz e Luiz Lima também comentaram outro assunto estritamente ligado ao esporte e a ética: o doping. O ex-treinador e o Secretário Nacional de Alto Rendimento endossaram o discurso de combate ao ‘jogo sujo’. "O doping é algo que vamos combater sempre, um recurso de trapaça, que tira a igualdade de condições, de regras, entre os competidores. É preciso ser extremamente rigoroso e combativo com a tentativa de obter vantagem indevida", disse Luiz Lima. "O esporte é um elemento incrível de transformação, de inclusão social. Ele precisa ser uma prioridade, receber atenção. É bom saber que temos um ex-atleta, uma pessoa que viveu e superou muitas dificuldades, inserido na Secretaría de Alto Rendimento". A Semana de Ética será encerrada nesta quarta-feira, com uma palestra ‘Trabalho em equipe e ética profissional’, apresentada pelo campeão olímpico e técnico da seleção brasileira masculina Sub-21, Giovane Gávio. A intenção é explorar o tema em todas as suas vertentes, tanto no cotidiano dos colaboradores, na parte esportiva e nas práticas de governança. A imprensa interessada em cobrir a Semana deverá confirmar presença pelo e-mail ‘[email protected]’. Ao final, um porta-voz da CBV atenderá os jornalistas. O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro Read More
    Institucional
  • dividindo conhecimento Palestra de Advogado-Geral da AGU Substituto abre II Semana de Ética

    Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) - 05.12.2016A II ‘Semana de Ética’ da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) foi aberta nesta segunda-feira (05.12), com a palestra ‘ Direitos e Deveres do Cidadão Brasileiro’, apresentada pelo Secretário Geral de Consultoria e Advogado-Geral da União Substituto, Dr. Paulo Gustavo Medeiros Carvalho. A explanação apresentou conceitos do direito, além de mecanismos de estrutura para aumentar a transparência e a ética na relação jurídica e pessoal. O evento acontece entre os dias 5 e 7 de dezembro na sede da CBV, no Riocentro, na Barra da Tijuca. O clico de palestrantes também contará com profissionais do esporte e do direito, além de ex-atletas. A imprensa interessada em cobrir a Semana deverá confirmar presença pelo e-mail ‘[email protected]’. Ao final, um porta-voz da CBV atenderá os jornalistas.A conferência para os colaboradores aconteceu na sede da entidade, no Riocentro, na Barra da Tijuca. Foram abordados os principais conceitos de garantia de direitos e deveres, presentes na Constituição Brasileira. Paulo Gustavo Medeiros Carvalho, que também é professor de Direito de graduação e pós-graduação no Centro Universitário de Brasília, destacou a importância do ciclo de palestras sobre o tema."A realização de uma Semana de Ética é muito importante, hoje isso é um tema central. Os elementos de transparência, ética e moralidade são de extrema relevância para a sociedade brasileira. É uma prática saudável. A CBV não é uma entidade pública, mas possui grande elo com o poder público. Por isso, ter em mente esses valores é fundamental", destacou.O diretor-executivo da CBV, Ricardo Trade, também comentou a abertura da segunda edição, que terá nos próximos dias a participação de atletas, ex-atletas, dirigentes e até colaboradores da entidade. A busca por constante aperfeiçoamento nos processos da entidade, e de seus colaboradores, foi destacada na abertura do evento."Atitudes como a da Semana de Ética permitiram que fossemos lembrados com quatro prêmios pela ONG ‘Sou do Esporte’, que analisa a governança das entidades esportivas. Procuramos trazer palestrantes que elevem nossa capacitação, ouvimos pessoas de diversas áreas que estão no mercado. Estamos dando valor imenso ao ciclo de palestras, reforçando cada vez mais nossa postura de conformidade com práticas éticas e morais", disse Trade.Procurador Federal, Paulo Gustavo Medeiros Carvalho também discursou sobre a necessidade de criação e aperfeiçoamento de mecanismos que reforcem práticas legais e éticas em vários segmentos da sociedade. Ao final da explanação, ele abriu o tempo para perguntas e concluiu resumindo o que buscou transmitir na semana."A ética quer colocar sempre à sociedade aquilo que é certo. A norma e a lei fundadas na ética devem refletir sobre o que está correto, e não aquilo que é praticado. A cultura não pode servir de baliza para continuarmos com práticas que são equivocadas", disse o advogado da AGU.Paulo Gustavo Medeiros Carvalho possui Pós-Graduação pela UniRio, em convênio com o Instituto Brasiliense de Direito Público (IDP) e pela Fundação Escola Superior do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios, além de ter cursado Mestrado no Centro Universitário de Brasília. A Semana de Ética continua nesta terça-feira, com um painel de debate. A intenção é explorar o tema em todas as suas vertentes, tanto no cotidiano dos colaboradores, na parte esportiva e nas práticas de governança. CONFIRA A PROGRAMAÇÃO:05.12 - (SEGUNDA-FEIRA) - ABERTURAPalestra com o Secretário-Geral de Consultoria / Advogado-Geral da União Substituto, Dr. Paulo Gustavo Medeiros Carvalho. 06.12 (TERÇA-FEIRA) - PAINEL DE DEBATEIsabel Salgado - ex-atleta e técnica de vôlei de praiaLuiz Lima - ex-nadador e Secretário de alto Rendimento - MEMiguel Ângelo da Luz - Ex-técnico de BasqueteIsabelle Mello - colaboradora CBV da unidade COBRAVJunior - (comentarista de futebol)Pitágoras Dytz - Advogado da AGUTaiana - Atleta de Vôlei de Praia 07.12 (QUARTA-FEIRA) - ENCERRAMENTOPalestra com Giovane- técnico da seleção sub 21 Trabalho em equipe e ética profissionalO Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro Read More
    Institucional
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Superliga 2016-2017

Vôlei Master - Fotos

Vôlei na TV

08/12 21:55 SUPERLIGA MASCULINA
REXONA-SESC X TERRACAP/BRB/BRASÍLIA VÔLEI
08/12 21:55 SUPERLIGA MASCULINA
REXONA-SESC X TERRACAP/BRB/BRASÍLIA VÔLEI
09/12 21:30 SUPERLIGA FEMININO
DENTIL/PRAIA CLUBE X VÔLEI NESTLÉ
10/12 14:10 SUPERLIGA MASCULINO
SESI-SP X SADA CRUZEIRO VÔLEI

Vôlei Quadra

Vôlei Praia

Superliga

Seleções