• Super virada No quinto set, Genter Vôlei Bauru leva a melhor sobre o Pinheiros

    Na reedição da semifinal do último Campeonato Paulista, melhor para o Genter Vôlei Bauru (SP). Nesta sexta-feira (02.12), a equipe bauruense conseguiu uma grande virada e venceu o Pinheiros (SP) por 3 sets a 2 (22/25, 18/25, 25/20, 25/22 e 15/10), em 2h24 de jogo, no Henrique Villaboin, em São Paulo (SP). A partida foi válida pela sétima rodada do turno da Superliga feminina de vôlei 16/17.  O resultado manteve o Genter Vôlei Bauru em quinto lugar na classificação geral, com 14 pontos (cinco vitórias e dois resultados negativos). O Pinheiros (SP) aparece em oitavo, com oito pontos (dois resultados positivos e cinco negativos). O Rexona-Sesc, que hoje venceu o Rio do Sul (SC) por 3 sets a 0, segue na liderança, com 21 pontos (sete vitórias).  A levantadora Lyara se destacou na partida e ficou com o Troféu VivaVôlei. A ponteira Thaisinha brilhou em quadra e foi a maior pontuadora do confronto, com 24 acertos. A oposta Bruna também pontuou bem, com 22 pontos. Pelo lado do Pinheiros, a oposta Bárbara foi a maior pontuadora, com 17 acertos.  O treinador do Genter Vôlei Bauru, Marcos Kwiek, fez uma análise da partida e parabenizou o grupo bauruense pela vitória.  “Não podemos cometer o número de erros que cometemos hoje em um jogo muito perigoso atuando na casa do adversário. Vamos continuar trabalhando muito forte. É claro, saímos com estes dois pontos de hoje que foram muito importantes e escapamos de uma derrota de 3 a 0. Valeu muito pelos pontos, pela nossa virada, pela garra, mas temos de ter os pés no chão que não fizemos um bom jogo. Vamos buscar essa regularidade que nos faltou hoje e passa a ser muito perigosa se a gente não continuar trabalhando para buscá-la. Teremos uma sequência muito difícil de jogos e temos de nos concentrar muito forte nesta sequência para fazermos o melhor possível”, analisou Marcos Kwiek.   As duas equipes voltarão à quadra na próxima sexta-feira (09.12). O Genter Vôlei Bauru buscará manter o bom momento contra o Sesi-SP, às 19h30, no Panela de Pressão, em Bauru (SP). Já o Pinheiros lutará pela reabilitação contra o São Cristóvão Saúde/São Caetano (SP), no mesmo horário, no Lauro Gomes, em São Caetano (SP).  Outros jogos  Diante de 4.300 torcedores, o Rexona-Sesc (RJ) segue invicto e na liderança da Superliga feminina de vôlei 16/17. A equipe carioca alcançou a sétima vitória consecutiva ao superar o Rio do Sul (SC) por 3 sets a 0 (25/16, 25/15 e 25/12), em 1h13 de jogo, no ginásio Jones Minosso, em Lages. A ponteira holandesa Anne Buijs brilhou em quadra e ficou com o Troféu VivaVôlei. Ainda consternados com a tragédia ocorrida com o avião da Chapecoense nesta semana, as equipes fizeram homenagens com camisetas e faixa para as vítimas, além de prestarem um minuto de silêncio antes da partida. Diante da sua torcida, o Sesi-SP conseguiu a primeira vitória na Superliga feminina de vôlei 16/17. A equipe do treinador Juba venceu, de virada, o Renata Valinhos/Country (SP) por 3 sets a 1 (22/25, 25/12, 25/23 e 25/20), em 2h01 de jogo, no ginásio do Sesi, em Santo André. A oposta Lorenne se destacou, ficou com o Troféu VivaVôlei e foi a maior pontuadora do confronto, com 32 pontos. O Fluminense (RJ) foi até São Caetano (SP) e alcançou mais uma vitória na Superliga feminina de vôlei 16/17. A equipe carioca venceu o São Cristóvão Saúde/São Caetano (SP) por 3 sets a 0 (25/16, 25/22 e 32/30), em 1h34 de jogo, no Lauro Gomes. A líbero Jú Perdigão foi eleita a melhor da partida e levou o Troféu VivaVôlei para casa. A central Letícia Hage também se destacou e foi a maior pontuadora do confronto, com 15 acertos.  Neste sábado  O último jogo da rodada acontecerá no sábado (03.12), às 14h10, entre o Vôlei Nestlé (SP) e o Camponesa/Minas (MG), no José Liberatti, em Osasco (SP). A RedeTV transmitirá ao vivo. Galeria de fotos: http://superliga.cbv.com.br/galeria/1352/sao-paulo-sp---superliga-feminina-1617---pinheiros-x-genter-volei-bauru- SUPERLIGA FEMININA 16/17 7ª RODADA TURNO 30.11 (QUARTA-FEIRA) – Dentil/Praia Clube (MG) 0 x 3 Terracap/BRB/Brasília Vôlei (DF) (21/25, 21/25 e 16/25), às 19h, no ginásio do Praia, em Uberlândia (MG) – SporTV   02.12 (SEXTA-FEIRA) – Sesi-SP 3 x 1 Renata Valinhos/Country (SP) (22/25, 25/12, 25/23 e 25/20), às 19h, no ginásio do Sesi, em Santo André (SP)  02.12 (SEXTA-FEIRA) – São Cristóvão Saúde/São Caetano (SP) 0 x 3 Fluminense (RJ) (16/25, 22/25 e 30/32), às 19h30, no ginásio Lauro Gomes, em São Caetano (SP)  02.12 (SEXTA-FEIRA) – Pinheiros (SP) 2 x 3 Genter Vôlei Bauru (SP) (25/22, 25/18, 20/25, 22/25 e 10/15), às 19h30, no Henrique Villaboin, em São Paulo (SP) 02.12 (SEXTA-FEIRA) – Rio do Sul (SC) 0 x 3 Rexona-Sesc (RJ) (16/25, 15/25 e 12/25), às 20h15, no Jones Minosso, em Lages (SC)  03.12 (SÁBADO) – Vôlei Nestlé (SP) x Camponesa/Minas (MG), às 14h10, no José Liberatti, em Osasco (SP) – RedeTV  O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do vôlei brasileiro   Read More
    Superliga
  • Por 3 a 0 Sada Cruzeiro vence o Bento Vôlei/Isabela e é o único invicto

    O Sada Cruzeiro Vôlei (MG) conseguiu a sétima vitória consecutiva na Superliga masculina de vôlei 2016/2017 e passou a ser o único invicto da competição após bater o Bento Vôlei/Isabela (RS) na noite desta sexta-feira (02.12). Mesmo na casa do adversário, no ginásio Municipal, em Bento Gonçalves (RS), a equipe mineira venceu por 3 sets a 0 (25/14, 27/25 e 25/18), em 1h21 de partida válida pela sétima rodada. O central cubano Simón começou a partida como titular do Sada Cruzeiro no lugar de Leal e agradou a torcida. O jogador foi o mais votado no site da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) e recebeu o Troféu VivaVôlei de melhor em quadra. VivaVôlei é o programa de responsabilidade social da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) que atende crianças de 7 a 14 anos por meio de escolinhas de vôlei. No fim da partida, o central cubano falou sobre o bom momento do time cruzeirense. “Trabalhamos muito todo os dias na quadra e estamos fazendo um bom trabalho, jogando bem, atuando como uma família e tentando fazer bonito para o nosso público e para os nossos fãs”, comentou Simón, que ainda foi o maior pontuador da partida, com 14 acertos. Pelo lado do Bento Vôlei/Isabela, o experiente levantador Sandro também falou e destacou a dura série de jogos que o time gaúcho enfrentou diante de Sesi-SP, Funvic/Taubaté (SP), Vôlei Brasil Kirin (SP) e, hoje, Sada Cruzeiro Vôlei. “Sabíamos que seriam quatro jogos bem complicados. A postura da equipe foi boa em alguns momentos, mas ainda falta um pouco em momentos decisivos. Mas, apesar das derrotas, conseguimos fazer um bom nível. Agora é descansar um pouco, já que temos uma sequência de confrontos diretos, que nos interessam muito”, concluiu Sandro. O Bento Vôlei/Isabela volta à quadra pela Superliga na próxima quarta-feira (07.12), às 19h30, quando enfrentará o JF Vôlei (MG) na casa do adversário. O Sada Cruzeiro terá um duelo mineiro, contra o Montes Claros Vôlei (MG), no mesmo dia, às 19h, também nos domínios do adversário. O JOGO O Sada Cruzeiro saiu em vantagem e logo abriu 4/1. O time visitante colocou o dobro de pontos em 8/4 e o técnico do Bento Vôlei/Isabela, Paulão, pediu tempo. A equipe gaúcha ainda contou com erros do adversário e o treinador parou o jogo novamente em 12/5. Com Léo pela entrada de rede, o Sada marcou novamente o dobo de pontos: 16/8. No ace de Simón, o time cruzeirense fez 20/10. Sem enfrentar dificuldades, o Sada Cruzeiro fechou em 25/14. O Bento Vôlei/Isabela saiu na frente no segundo set e fez 2/0. A parcial teve equilíbrio e, na largadinha de Gabriel, o time da casa fez 6/5. Contando com erros do Sada Cruzeiro, o Bento chegou a 11/8. No erro de saque do time cruzeirense, os donos da casa marcaram 17/13. Com Clinty, o Bento Vôlei/Isabela manteve os quatro de vantagem (19/15). No ace de Simón, o time cruzeirense reduziu a diferença para dois: 21/19. O placar ficou ainda mais equilibrado em 22/21. Com ponto de bloqueio de Simón, o Sada empatou: 24/24. E, no final, com ace de Evandro, virada no set: 27/25.  A terceira parcial também começou com equilíbrio, com o empate em 4/4. O placar esteve igual novamente em 6/6. No bloqueio simples de Filipe, o Sada Cruzeiro abriu dois de vantagem (9/7). Com Filipe bem no saque, o time cruzeirense fez 12/8. No ponto de saque de Simón, o Sada chegou a 18/12 e Paulão pediu tempo. Em um set mais parecido com o primeiro, a equipe minera teve boa vantagem em 22/16. E, no ace de Léo, 25/18. EQUIPES BENTO VÔLEI/ISABELA – Sandro, Bergamo, Zé Ricardo, Michel, Clinty e Gabriel. Líbero – Daniel  Entraram – Dante, Rivoli, Vagner, Deivid, Tarcísio Técnico: Paulão SADA CRUZEIRO – William, Alan, Isac, Simón, Filipe e Léo. Líbero – Serginho Entraram – Fernando, Evandro Técnico: Marcelo Mendez SUPERLIGA MASCULINA 2016/2017 SÉTIMA RODADA DO TURNO 01.12 (QUINTA-FEIRA) – Montes Claros Vôlei (MG) 3 x 1 Vôlei Brasil Kirin (SP), às 21h55, no ginásio Tancredo Neves, em Montes Claros (MG) (21/25, 25/17, 25/18 e 25/22) 02.12 (SEXTA-FEIRA) – Bento Vôlei/Isabela (RS) 0 x 3 Sada Cruzeiro (MG), às 19h, no Municipal, em Bento Gonçalves (RS) (14/25, 25/27 e xx/25) 03.12 (SÁBADO) – Minas Tênis Clube (MG) x JF Vôlei (MG), às 17h, na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG)  03.12 (SÁBADO) – Copel Telecom Maringá Vôlei (PR) x São Bernardo Vôlei (SP), às 18h, no Chico Neto, em Maringá (PR)  03.12 (SÁBADO) – Lebes Gedore Canoas (RS) x Caramuru Vôlei/Castro (PR), às 18h, no La Salle, em Canoas (RS)  03.12 (SÁBADO) – Sesi-SP x Funvic Taubaté (SP), às 19h30, na Vila Leopoldina, em São Paulo (SP) – SporTV  O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do vôlei brasileiro   Read More
    Superliga
  • Na RedeTV Vôlei Nestlé recebe Camponesa/Minas no encerramento da sétima rodada

    A sétima rodada do turno da Superliga feminina de vôlei 16/17 será encerrada com um duelo entre duas equipes tradicionais do voleibol brasileiro. O Vôlei Nestlé (SP) receberá o Camponesa/Minas (MG) às 14h10 deste sábado (03.12), no José Liberatti, em Osasco (SP). A Rede TV transmitirá ao vivo. Como homenagem às vítimas na tragédia com o avião da Chapecoense, o time de Osasco convoca os torcedores a vestirem as cores verde e branco no ginásio.  Na classificação geral, o Vôlei Nestlé aparece em quarto lugar, com 15 pontos (cinco vitórias e uma derrota). O Camponesa/Minas está na sexta posição, com oito pontos (três resultados positivos e três negativos). O Rexona-Sesc  (RJ) lidera, com 18 pontos (seis vitórias).  A oposta Paula, do Vôlei Nestlé, falou sobre a importância de voltar a jogar no ginásio José Liberatti depois de quase um mês. O último jogo do time de Osasco em casa foi  no dia quatro de novembro contra o Pinheiros.  “É maravilhoso jogar em casa. É muito melhor atuar em Osasco do que como visitante, pois a gente conhece bem a quadra e nossa torcida faz toda a diferença, ajudando e empurrando nossa equipe o tempo todo. Estou feliz em poder voltar a jogar em casa novamente”, afirmou Paula.  Pelo lado do Camponesa/Minas, que na última rodada foi superado pelo Terracap/BRB/Brasília Vôlei (DF), o treinador Paulo Coco pediu uma maior atenção da equipe mineira com o sistema defensivo.  “O nosso foco da semana foi na recepção e defesa. No último jogo, contra o Brasília, erramos muito e isso não pode mais ocorrer. Trabalhamos bastante, intensificamos o trabalho defensivo e vamos a Osasco tentar um resultado melhor”, explicou Paulo Coco.   Outros jogos  A sétima rodada do turno terá ainda quatro jogos nesta sexta-feira (02.12). Sesi-SP e Renata Valinhos/Country (SP) jogarão, às 19h, no ginásio do Sesi, em Santo André, em busca da primeira vitória na competição. Na sequência, às 19h30, dois duelos. O São Cristóvão Saúde/São Caetano (SP) enfrentará o Fluminense (RJ), no ginásio Lauro Gomes, em São Caetano (SP), e o Pinheiros (SP) terá pela frente o Genter Vôlei Bauru (SP), no Henrique Villaboin, em São Paulo (SP). Logo depois, às 20h15, Rio do Sul (SC) duelará com o Rexona-Sesc (RJ), no José Mimoso, em Lages (SC).  SUPERLIGA FEMININA 16/17 7ª RODADA TURNO 30.11 (QUARTA-FEIRA) – Dentil/Praia Clube (MG) 0 x 3 Terracap/BRB/Brasília Vôlei (DF) (21/25, 21/25 e 16/25), às 19h, no ginásio do Praia, em Uberlândia (MG) – SporTV   02.12 (SEXTA-FEIRA) – Sesi-SP x Renata Valinhos/Country (SP), às 19h, no ginásio do Sesi, em Santo André (SP)  02.12 (SEXTA-FEIRA) – São Cristóvão Saúde/São Caetano (SP) x Fluminense (RJ), às 19h30, no ginásio Lauro Gomes, em São Caetano (SP)  02.12 (SEXTA-FEIRA) – Pinheiros (SP) x Genter Vôlei Bauru (SP), às 19h30, no Henrique Villaboin, em São Paulo (SP) 02.12 (SEXTA-FEIRA) – Rio do Sul (SC) x Rexona-Sesc (RJ), às 20h15, no Jones Mimoso, em Lages (SC)  03.12 (SÁBADO) – Vôlei Nestlé (SP) x Camponesa/Minas (MG), às 14h10, no José Liberatti, em Osasco (SP) – RedeTV  O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do vôlei brasileiro   Read More
    Superliga
  • Última etapa Classificatório define últimos classificados para o torneio principal

    O Circuito Banco do Brasil de Vôlei de Praia Sub-23 chega a última etapa da temporada 2016. A parada final, que acontece em São José (SC), começou nesta sexta-feira (02.12) com o classificatório que após 13 partidas definiu as últimas quatro duplas de cada naipe para o torneio principal, que inicia neste sábado (03.12), às 9h. Índio/Raul (ES/SE), Fernando/Daniel (ES/RJ), Mateus Sampaio/Juliano (DF/PR) e Vítor Micael/Gabriel (DF/PR) conseguiram passar à próxima fase. As oito duplas masculinas já garantidas na chave principal são George/Athur Lanci (PB/PR), Vinícius/Eduardo Davi (ES/PR), Jefferson/Allysson (CE), Maia/Jonas Paixão (RJ), Igor Borges/Matheus Baby (RJ), Adrielson/Gabriel Gouveia (PR/RJ), Lipe/Rafa (PR) e Kaique/Luccas (RS/DF). No feminino conseguiram a classificação Ana/Franciane (PR), Amanda/Bittencourt (PR), Taís/Ana Luiza (SC) e Gi/Vitória (PR). Elas se juntarão a são Ana Patrícia/Paula Hoffmann (MG/RJ), Tainá/Andressa (SE/PB), Kyce/Alana (RN), Victoria/Vitoria (MS/RJ), Anna Luisa/Victoria (RS), Teresa/Talita (CE), Thais/Karol (ES) e India/Clicia (PA/AM). O torneio em São José terá a presença de vários atletas promissores do voleibol de praia brasileiro. Estarão em ação seis campeões mundiais em torneios Sub-19 e Sub-21 (Ana Patrícia, Andressa, Arthur Lanci, George, Tainá e Victoria). E a disputa está aberta, com três times com chances de título no feminino, e outros dois lutando pelo troféu no naipe masculino. Duas duplas estão empatadas na liderança do torneio feminino, com 1.520 pontos, e dependem apenas de si: Alana/Kyce (RN) e Ana Patrícia/Paula Hoffmann (MG/RJ). Pouco atrás estão Andressa e Tainá (PB/SE), que somam 1.440 pontos e precisam terminar duas posições acima das duas duplas que lideram atualmente para ficarem com o troféu. Entre os homens, Vinícius e Eduardo Davi (ES/PR) estão na liderança geral com 1.640 pontos, enquanto Arthur Lanci/George (PR/PB) estão com 1.520 pontos e precisam ficar três posições acima dos adversários na briga pelo título. Sistema de disputa O torneio começa na sexta-feira (02.12), com a disputa do qualificatório, onde 16 times masculinos e sete femininos lutam por quatro vagas à fase principal da competição. Os vencedores (em cada gênero) se juntam aos oito times já classificados pela posição no ranking de entradas. As 12 duplas finais são divididas em três grupos de quatro e duelam pela primeira fase, no segundo dia de competições (03.12). Avançam os primeiros e segundos colocados de cada grupo, além dos dois melhores terceiros colocados. Ainda no segundo dia dos torneios ocorre a disputa das quartas de final. O terceiro e último dia (domingo) tem a disputa das semifinais, bronze e finais dos dois gêneros. O torneio foi criado no final de 2011, visando dar mais um passo a favor do fortalecimento das categorias de base do Vôlei de Praia brasileiro, promovendo uma integração ao profissional. O Circuito Sub-23 é composto por seis etapas, e, além dos campeões de cada parada, existe um campeão geral da temporada, somando os pontos de todos os eventos.  Ao contrário do Sub-19 e do Sub-21, em que as duplas precisam ser da mesma federação, no Sub-23 elas podem estar registradas em estados diferentes. A categoria também possui premiação em dinheiro, com os campeões de cada naipe recebendo R$ 3,7 mil. O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro Read More
    Circuito Sub 23
  • Debate CBV realiza a II Semana da Ética entre os dias 5 e 7 de dezembro

    Pelo segundo ano consecutivo a Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) organiza a ‘Semana de Ética’ com o objetivo de reforçar valores nos ambientes esportivo e corporativo com um ciclo de palestras e debates na sede da instituição. O evento acontecerá entre os dias 5 e 7 de dezembro e contará com a participação dos colaboradores da CBV, ex-atletas e profissionais do Direito. A abertura do evento, nesta segunda-feira (05.12), será feita com uma palestra do Dr Paulo Gustavo Medeiros Carvalho, que é Advogado-Geral da União Substituto. No segundo dia, nesta terça-feira (06.12), é a vez do painel de debate que reunirá Cláudio Melo (atleta do Remo), Isabel Salgado (ex-atleta de vôlei), Luiz Lima (ex-nadador e atual Secretário de Alto Rendimento do Ministério do Esporte), Júnior (comentarista de futebol), Taiana (atleta de vôlei de praia), Miguel Ângelo da Luz (ex-treinador de basquete), Pitágoras Dytz (advogado da AGU) e Isabelle Mello (colaboradora da CBV). A mesa redonda terá a moderação de Radamés Lattari, Diretor de Voleibol de Quadra da CBV. O encerramento da II Semana de Ética será nesta quarta-feira (07.12) com mais uma palestra, desta vez com o tema: Trabalho em equipe e ética profissional, com Giovane Gávio, bicampeão olímpico e técnico da seleção brasileira masculina Sub-21. Em 2015, entre os dias 23 e 27 de novembro, a CBV realizou a primeira edição do evento. O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro Read More
    Institucional
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Superliga 2016-2017

Vôlei Master - Fotos

Vôlei na TV

03/12 19:30 SUPERLIGA MASCULINO
SESI-SP X FUNVIC TAUBATÉ
09/12 21:30 SUPERLIGA FEMININO
DENTIL/PRAIA CLUBE X VÔLEI NESTLÉ
10/12 14:10 SUPERLIGA MASCULINO
SESI-SP X SADA CRUZEIRO VÔLEI
13/12 21:30 SUPERLIGA FEMININO
VÔLEI NESTLÉ X REXONA-SESC

Vôlei Quadra

Vôlei Praia

Superliga

Seleções